sábado, 6 de maio de 2017

A VIDA É MUITO BELA, BASTA ABRIR OS OLHOS E O CORAÇÃO

http://3.bp.blogspot.com/-MffdG9orp8Q/U9KkkfeubhI/AAAAAAAAL-U/onhDrHVskn0/s1600/016.JPG


 



http://1.bp.blogspot.com/-H5JHQbqMwO4/U9KlDoTGGRI/AAAAAAAAL-k/mWSHUSsGRyE/s1600/017.JPG



 



http://4.bp.blogspot.com/-4c_95cQ2Rk4/U9KlCCsOfyI/AAAAAAAAL-c/E2a6T9C5HRg/s1600/018.JPG



 



http://3.bp.blogspot.com/-twH4YQ_pRlM/U9KlifvFH7I/AAAAAAAAL-s/rGy6ZoyaRqE/s1600/019.JPG
Fazia meses que não passava um fim de semana em P. Alegre. Sempre para lá ou para cá, principalmente Xangri La.
Pois sexta feira decidi me trancar no nosso apartamento em P. Alegre, pois queria olhar calmamente um volumoso processo que me foi confiado. Maristela, Rudolf e namorada se mandaram para Rivera.
Tinha um certo receio de me enfarar.
Que nada.
Sempre me acordo às cinco da manhã. Hoje fui até 7,30.
Que lindo dia fez hoje.
Depois de ter lido de cabo a rabo o processo, iniciei a leitura de  Homo Deus, de Yuval Noah Harari.
Às dez, após as abluções de praxe, fui até o Mercado Público em busca das raras "pimentas de biquinho".  Indizível a felicidade das pessoas que transitavam por ali. Me lembrei  da Medina de Tunis. Como está bem organizado nosso querido Mercado. Asseado e  multicolor. Está até bem sofisticado. Encontrei um amigo que há décadas não via e fomos tomar um café. Acabei o convidando para almoçarmos no Gambrinus. Depois percorri com calma os sebos e a repaginada e linda Galeria Chaves.
Porto Alegre estava cheia de pais e mães, jovens, lindos, de bicicletas com suas crianças. Que coisa linda pais jovens  com seus filhinhos.
Sopra um zéfiro, um ventinho morno que convida a um espumante de boa cepa.
Zum Wohl!

( fotos de Gilberto simon  - as duas finais)